Maranhão promove feira virtual de artesanatos

No Maranhão a Secretaria de Estado de Trabalho e Economia Solidária (Setres) em parceria com a Secretaria de Estado do Turismo (SETUR) está ampliando e fortalecendo a da plataforma Resolvi com a inclusão dos artesãos. A rede de comércio virtual está recebendo cadastros de diversos empreendedores locais que terão espaço para vender suas produções.

O objetivo é promover o acesso ao mercado online, incentivar a geração de renda e fortalecer o comércio virtual no Maranhão. “Estamos integrando as políticas públicas, no Governo do Estado, com o intuito de ampliar os resultados, alcançar a população e ajudarmos os maranhenses a superarem este momento difícil”, afirma o secretário de Estado de Trabalho e Economia Solidária, Jowberth Alves.

O secretário de Estado de Turismo, Catulé Júnior, afirma que a plataforma ReSolVi será uma vitrine para expor e divulgar os produtos de artesãos e outros negócios.

‘São importantes esses pacotes de ações que o governo está fazendo. A Setur lançou 5 editais para beneficiar artesãos, guias de turismo, meios de hospedagem e alimentação de São Luís e do interior no total de mais de R$ 200 mil reais de auxílios disponibilizados ao setor do turismo. Agora temos incentivado os profissionais do turismo a se inscreverem nessa plataforma para ser um canal a mais dessa ajuda coletiva a fazer a economia girar” afirmou Catulé.

ReSolVi

A ReSolVi é um canal virtual que liga os pequenos empreendimentos aos consumidores. Para participar, o empreendedor deve fazer inscrição no link trabalho.ma.gov.br/Resolvi. A iniciativa, realizada pela Setres, integra um conjunto de ações desenvolvidas pelo Governo do Maranhão com o objetivo de minimizar os impactos causados pela Covid-19 aos trabalhadores maranhenses.

C.Turismo

[email protected]