Bancorbrás incorpora a online Zarpo

O conglomerado empresarial Bancorbrás, com sede em Brasília, anuncia a aquisição do controle acionário da agência de viagem online Zarpo, uma das principais do setor. O Zarpo atua há 12 anos e transaciona cerca de R$ 150 milhões ao ano. A Bancorbrás completa 40 anos este ano, emprega 1.100 funcionários e atua nos segmentos de turismo, corretagem de seguros e administração de consórcios. As duas companhias são S.A. de capital fechado. O contrato foi assinado nesta terça-feira (11/7) e os valores envolvidos na transação não foram revelados.

A aquisição é uma das estratégias de expansão de negócios da Bancorbrás, que não para por aí. A companhia está avaliando outras iniciativas para expandir sua oferta de produtos e serviços em turismo. Cláudio Roberto Nogueira de Souza Filho, Diretor-Geral de Negócios e Marketing da Bancorbrás, diz que o conglomerado elaborou uma Tese de Investimento para orientar a expansão. Com base nela, o grupo está monitorando os ecossistemas de inovação para agregar ou desenvolver as soluções adequadas para o atendimento às expectativas de seu perfil de clientes.

O conglomerado se destaca no mercado por meio da Bancorbrás Turismo, cujo carro-chefe é seu clube de turismo. O clube é uma atividade de recorrência em turismo, em que cada cliente paga uma mensalidade e tem direito a reservar sete diárias de hospedagens no Brasil e no exterior, podendo contratar outros serviços turísticos voltados a enriquecer sua experiência de viagem.

Segundo Renato Ramalho, CEO da KPTL, gestora que tinha investido como Venture Capital na empresa em 2013, “o Zarpo é um case para nós, um ótimo ativo e um excelente investimento para nossos investidores. A empresa sempre esteve sob excelente gestão, priorizando seus clientes e demonstrando resiliência em meio à pior crise que o setor do turismo já viveu e que derrubou vários grandes players“.

Bancorbrás crescerá no mercado de turismo paulista e nas vendas digitais
Ao passar a controlar o Zarpo, a Bancorbrás vislumbra multiplicar sua presença no mercado turístico do estado de São Paulo e nas vendas online. O Zarpo atua em B2C e B2B2C, com vendas exclusivamente online, emprega 80 profissionais e conta com 7 milhões de clientes cadastrados, sendo 60% deles do estado paulista e 90% viajando com filhos. Ao mesmo tempo, outro ponto importante desse investimento é qualificar ainda mais as experiências de viagem dos clientes de ambas as companhias e praticar valores mais competitivos.

“A estratégia do Zarpo de consolidar sua base de CRM, seu posicionamento no mercado e perfil específico de clientela, focada em famílias de classes A e B, oferecendo uma seleção dos melhores hotéis e um dos melhores atendimentos do mercado, foi muito assertiva. A partir da aquisição, vamos ampliar a oferta de soluções, elevar a qualidade de nossa atuação, atingir novos públicos, e, assim, expandir a carteira de clientes Bancorbrás, hoje na casa das 100 mil pessoas em todo o país”, diz o executivo.

Sob a ótica dos clientes, a união das expertises das duas companhias “resultará em maior oferta turística e mais facilidade para planejar cada viagem, com curadoria de serviços turísticos voltados a torná-la uma experiência muito satisfatória, com variedade, tranquilidade, comodidade e segurança”, argumenta Cláudio. Ele diz ainda que na administração do Zarpo nada muda, e que a empresa online se beneficiará do apoio e da força da Bancorbrás para continuar sua expansão. Daniel Topper seguirá como CEO, o que favorecerá o processo de transição administrativa e a implementação das sinergias entre as empresas.

Tendência é de elevação no movimento turístico
A movimentação da Bancorbrás encontra respaldo na tendência do mercado de turismo. Desde o 2º semestre de 2022 pesquisas têm identificado o desejo dos brasileiros de viajarem mais. Uma delas, feita pela companhia de pesquisa e insights de mercado e consumo Hibou, aponta que mais de 50% da população pretende viajar este ano.
Cláudio afirma que “nesses 40 anos de história, a Bancorbrás sempre foi movida pela inovação e empreendedorismo, mas, principalmente, pelo respeito e cuidado com os clientes. E para podermos construir um futuro sustentável para os negócios, estamos avaliando estratégias com foco na melhoria dos serviços e na ampliação dos negócios, priorizando a jornada do cliente para sua inteira satisfação”.

C.Turismo

colunadeturismo@gmail.com