Accor lidera o mercado hoteleiro brasileiro

Accor, líder global em hospitalidade, reafirma sua posição de destaque no mercado hoteleiro brasileiro, comprovando seu compromisso com a excelência e a inovação na indústria, segundo os resultados da pesquisa “Hotelaria em Números 2023”, conduzida pela JLL.

 

A pesquisa revela que, atualmente, o Brasil conta com 10.602 empreendimentos hoteleiros, abrangendo diversas marcas nacionais e internacionais, bem como hotéis independentes. Dentre esse panorama diversificado, a Accor se destaca de maneira significativa, principalmente graças ao sucesso de suas cinco marcas líderes do ranking: ibis, ibis budget, Mercure, ibis Styles e Novotel, integrantes da divisão Premium, Midscale e Economy da rede, que inclui também Pullman, Swissôtel, Grand Mercure e Tribe.

 

O ano de 2022 apresentou desafios excepcionais para o setor hoteleiro brasileiro, com o impacto econômico contínuo da pandemia de COVID-19, especialmente nos meses de janeiro e fevereiro, que tradicionalmente representam a alta temporada do verão no Brasil. No entanto, a pesquisa “Hotelaria em Números 2023” demonstra a recuperação da indústria hoteleira e aponta o segmento como excelente opção para investimento.

 

A taxa média de ocupação dos hotéis em 2022 atingiu 58,9% e a recuperação das diárias médias começou de forma expressiva em março do mesmo ano, mantendo-se em ascensão até o final de 2022 e no primeiro semestre de 2023.

 

“Estamos orgulhosos de liderar o mercado hoteleiro brasileiro com nossas marcas icônicas e de continuar investindo em inovação, qualidade e excelência em serviços. O centro da nossa estratégia de negócios hoje é otimizar a rentabilidade dos nossos hotéis com foco nos investidores. Além disso, a expansão pelo modelo de franquias vai representar 80% dos novos contratos assinados, com marcas que vão do econômico ao premium. Essas franquias hoteleiras já são muito presentes na Europa e América do Norte, e no Brasil ainda há muitas oportunidades. Além disso, focamos nas conversões de hotéis que já estão em operação e podem migrar para alguma das nossas marcas de maneira simples e rápida, aproveitando toda a nossa plataforma robusta de vendas e fidelidade”, explica Abel Castro, CDO (Chief Development Officer) da divisão Premium, Midscale and Economy na Accor Américas.

 

A Accor mantém uma visão otimista para o futuro, como a pesquisa indicou a recuperação sólida em ocupação, diárias médias e rentabilidade, projetando um período de excelente desempenho nos próximos anos.

 

Link para a pesquisa completa – https://www.jll.com.br/pt/tendencias-insights/pesquisa/hotelaria-numeros-2023

C.Turismo

colunadeturismo@gmail.com