Foz do Iguaçu tem o primeiro “Aeroporto Amigo da Onça” do Brasil

Nesta terça-feira (28), o Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu (IGU) recebeu um título inédito: o de aeroporto “Amigo da Onça”. A iniciativa, resultado da parceria entre a CCR Aeroportos, que administra o aeroporto e o Projeto Onças do Iguaçu, desenvolvido em parceria do ICMBio – Instituto Chico Mendes, Instituto para a Conservação dos Carnívoros Neotropicais (Pró-Carnívoros) e o Parque Nacional do Iguaçu, visa promover a conscientização sobre a conservação da onça-pintada e destacar as ações empreendidas pelo projeto.

Conforme explica o gerente do Aeroporto de Foz do Iguaçu, Wander Melo Jr, o Grupo CCR tem como foco criar valor sustentável, com impacto positivo em todos que estão à volta dos negócios onde atua.

“O Aeroporto está inserido em uma cidade conhecida mundialmente pelas belezas naturais. A partir de agora, todos os nossos passageiros saberão que chegaram à Terra das Cataratas e das Onças. É com muito orgulho que estamos na única área de mata atlântica onde a população de onças conhecidamente está crescendo. Apoiar esse projeto está no cerne da CCR, que tem como princípio Cuidar da natureza e servir à sociedade”, afirmou.

Ônibus temático

Além do reconhecimento como Aeroporto Amigo da Onça, o Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu demonstra seu comprometimento com a causa ao adesivar um ônibus de embarque e desembarque com ilustrações de onça-pintada. Um grande painel informativo sobre as onças-pintadas foi instalado no saguão de desembarque, e banners foram posicionados estrategicamente em todo o aeroporto.

A previsão é de que, no final de 2024, após a conclusão das obras de melhoria na infraestrutura do aeroporto que estão sendo feitas pela CCR Aeroportos, o terminal ainda conte com uma parede grafitada com o tema da onça-pintada, reforçando o compromisso contínuo com a preservação da fauna e a promoção da conscientização ambiental.

“Projetos de preservação ambiental sempre precisam de apoio. Fico emocionada ao ver a realização de uma meta tão necessária para nós. Além dessa publicidade, vamos aperfeiçoar os estudos já realizados na região e ganhar novos parceiros. A CCR tornou-se uma grande aliada e estamos na mesma sintonia de preservação e cuidados”, disse Yara Barros, coordenadora do projeto Onças do Iguaçu.

A atriz Cristiana Oliveira, interprete da personagem Juma Marruá da primeira versão da novela Pantanal (1990), é a madrinha do projeto, embaixadora das onças e também esteve presente no evento de lançamento da parceria.

“A onça-pintada faz parte da minha vida há mais de 30 anos. Estar aqui para um evento tão importante sinaliza que temos pessoas preocupadas com a conservação deste animal e que podemos mudar o cenário atual. A união entre uma empresa e projetos independentes é muito necessária”, disse a atriz.

Onças do Iguaçu

O Projeto Onças do Iguaçu estabeleceu seis critérios para qualificar um Aeroporto Amigo da Onça, e o Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu cumpriu todos eles com sucesso. São elas:

1) Apoio à Pesquisa: O aeroporto ofereceu suporte logístico para o desenvolvimento das pesquisas do projeto na área aeroportuária.
2) Adequações de Segurança: Foram implementadas medidas para evitar a entrada de grandes felinos na área do aeroporto.
3) Divulgação e Visibilidade: Espaços foram destinados para comunicação visual e educacional sobre as onças no aeroporto.
4) Arrecadação de Recursos: Informações sobre o Projeto Onças do Iguaçu foram divulgadas para criar oportunidades de arrecadação de recursos.
5) Capacitação: Um programa de capacitação foi criado para pessoas que circulam no aeroporto, abordando a segurança relacionada a grandes felinos.
6) Intermediação com Parceiros: Foram intermediados contatos com possíveis parceiros no setor de aviação para o Projeto Onças do Iguaçu.

C.Turismo

colunadeturismo@gmail.com