23º SPT – Falta de investimento distancia cruzeiros de destinos nacionais

O volume de cruzeiros internacionais representa 90% de todos os navios que saem do Brasil. Apenas 10% dos destinos são nacionais. É o que afirma o gerente comercial da Cia dos Cruzeiros, Ricardo Cássio Silva. O principal motivo para este índice é a falta de incentivo de órgãos do Estado e o preço alto para embarque nos portos brasileiros. “Nós não temos tantos portos para explorar no Brasil”, comenta o gerente. “Já tentamos abrir Paranaguá e não conseguimos. Além disso, os custos são altos. Enquanto pagamos R$ 40 mil para atracar no porto de Santos, um porto da Europa cobra apenas R$ 4 mil”.

Os números de procura de cruzeiros são animadores, de acordo com o operador. Embora o momento econômico do país não seja favorável, não existe queda nesse setor. “Nos últimos 12 meses, somente setembro e outubro ficaram estagnados. Nós vínhamos de uma crescente”, comenda Ricardo. “A perda desses dois meses já foi totalmente recuperada. O momento é bastante animador”.

Além dos cruzeiros marítimos, a Cia dos Cruzeiros também traz ao estande do SPT um pouco mais sobre cruzeiros fluviais, que são mais requintados e fazem trajetos inalcançáveis por outros meios de transporte.

]]>

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *